Frente a esse impasse, Balmant resolveu construir uma casa para morar de fato, mas não quis pagar os R$ 12 mil de mão de obra apenas para a fundação da nova residência. “Mesmo que juntássemos o meu 13º e o da minha esposa, não pagaria”, diz ele. Foi aí que o analista resolveu apelar para o YouTube e conseguiu construir sua fundação baseado no conteúdo disponível na internet.

Se eu consigo fazer a fundação, consigo fazer o resto

Dado o sucesso da fundação, que também contou com conselhos de familiares engenheiras e arquitetas, ele decidiu buscar mais tutoriais no YouTube e fazer tudo com as próprias mãos. “Se eu consigo fazer a fundação, consigo fazer o resto”, explicou.

Depois de concluída quase toda a casa, Balmant resolveu pagar um azulejista para instalar o porcelanato para que não ficassem falhas mais grosseiras. O casal já mora na casa há cerca de um ano, mas ainda não conseguiu dar os retoques finais no piso superior por conta do orçamento apertado.

Fonte: TecMundo