Net Barretos - Conectando emoções!

‘Barbaridade’, diz pai de carteiro que foi queimado por ter pouco dinheiro

Alysson Douglas teve 60% do corpo atingido por fogo por ter só R$ 30.
Vítima de assalto em Barretos vai para Catanduva, informou família.

Pai de jovem queimado espera que assaltantes se arrependam do que fizeram em Barretos (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)
Pai de jovem queimado espera que assaltantes se arrependam do que fizeram em Barretos (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)

Não há nada que o construtor Ademilson Alves queira mais neste momento do que ver seu filho, carteiro de 22 anos incendiado por assaltantes em Barretos (SP), se recuperar das queimaduras de terceiro grau que tomaram 60% de seu corpo. Ele alimenta a esperança de que Alysson Douglas da Silva, internado na Santa Casa do município em estado grave desde quinta-feira (8), consiga ter a vida dele de volta após ser transferido e tratado em uma unidade hospitalar de Catanduva (SP).

Para Alves, o episódio traumático e inexplicável para a família interrompeu uma rotina até então próspera do carteiro em Barretos. Casado e com uma filha, o jovem de Presidente Prudente (SP) se mudou há três meses para a cidade depois de passar em um concurso dos Correios. “Uma pessoa trabalha dia a dia. Alguém chega e faz uma barbaridade dessas. A gente fica sentido demais”, afirma o construtor, em lágrimas.

Diante de um alívio momentâneo pela sobrevivência de Silva, o pai espera que os ladrões responsáveis pela atrocidade se redimam. ”É crueldade a gente ver um filho que trabalha queimado por vândalos. Ainda bem que não tiraram a vida dele, graças a Deus. A gente quer que ele melhore e que Deus perdoe essas pessoas que fazem isso, que não façam mais”, diz.

Vítima sofreu ferimentos em 60% do corpo e está internada na Santa Casa de Barretos (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)
Vítima teve 60% do corpo queimado durante assalto
em Barretos (Foto: Ronaldo Oliveira/EPTV)

Queimado em assalto
O carteiro Alysson Douglas da Silva, de 22 anos, foi incendiado por assaltantes dentro de sua casa na madrugada de quinta. Ele teve 60% do corpo queimado por dois homens que se irritaram com o rapaz, porque ele disse que tinha apenas R$ 30 no bolso, segundo a Polícia Civil. Os suspeitos ainda não foram identificados.

A vítima foi abordada na garagem de sua casa, depois de deixar a mulher na rodoviária. Mesmo sem reagir ao assalto, de acordo com primeira versão dada pelo carteiro, os ladrões pegaram um galão de gasolina que estava guardado em seu carro, despejaram sobre seu corpo e atearam. Em chamas, o rapaz ainda conseguiu correr e pedir ajuda antes que fosse totalmente consumido pelo fogo.

Segundo a delegada Silvana Ferreira da Silva, o caso está sendo investigado como roubo qualificado. O próximo passo, de acordo com a polícia, é refazer todo o percurso da vítima na noite do crime, bem como apurar a rotina do carteiro para tentar identificar os suspeitos.

A pena para os responsáveis pelo ato pode variar de quatro a dez anos de prisão, caso a vítima sobreviva às queimaduras, ou de 20 a 30 anos de detenção, em caso de morte.

Fonte : http://g1.globo.com

 

 

Use QR-Code to get this permaking using your Smartphone. QR Code for ‘Barbaridade’, diz pai de carteiro que foi queimado por ter pouco dinheiro

Deixe o seu comentário