Net Barretos - Conectando emoções!

Grupos pedem que EUA investigue compra do WhatsApp pelo Facebook

Organizações norte-americanas se mostraram preocupadas com a privacidade dos usuários do app após possível aquisição pela maior rede social do mundo.

A Comissão Federal de Comércio (FTC) dos EUA deveria investigar a proposta de compra do WhatsApp pelo Facebook no valor de 19 bilhões de dólares – e possivelmente bloqueá-la – por causa do seu possível impacto na privacidade dos usuários, afirmaram dois grupos de privacidade em um documento nesta quinta-feira, 6/3.

Enquanto o WhatsApp demonstrou um “forte comprometimento com a privacidade do usuário”, o atual serviço de mensagens do Facebook coleta e armazena “virtualmente todos os dados disponíveis dos usuários”, afirmaram os grupos Electronic Privacy Information Center e Center for Digital Democracy no pedido.

O WhatsApp prometeu aos usuários que não iria reter ou vender informações pessoais, e muitos usuários escolheram o serviço com base nessa proteção de privacidade, mas o Facebook já coletou dados de usuários de empresas que comprou anteriormente.

“Os usuários do WhatsApp confiam que o WhatsApp vai manter a privacidade em suas comunicações”, afirmou Julia Horwitz, conselheira de proteção dos consumidores do EPIC. “Nosso pedido pede que a FTC investigue se existem proteções de privacidade suficientes para continuar a proteger os dados dos usuários do WhatsApp de serem acessados pelo Facebook – que (para muitos usuários) era o principal recurso que tornou o WhatsApp tão interessante em primeiro lugar.”

Se o Facebook começar a coletar os dados dos usuários do WhatsApp, isso seria uma prática comercial ruim por causa das promessas anteriores do WhatsApp sobre o assunto, apontam os grupos. “A falha do WhatsApp em explicar adequadamente que esse compromisso com a privacidade estava sujeito a condições diferentes iria violar as regras da FTC”, afirmam.

Se o FTC não bloquear a compra do WhatsApp pelo Facebook, deveria “proteger” os usuários do app da coleta de dados feita pela rede social, de acordo com os grupos.

Uma porta-voz do Facebook, por sua vez, disse que a compra não vai mudar as políticas de privacidade do WhatsApp. “O objetivo do Facebook é trazer mais conectividade e utilidade ao mundo ao entregar os principais serviços de Internet de maneira eficiente e acessível – essa parceria vai ajudar isso a acontecer.”

Fonte: http://idgnow.com.br/

Use QR-Code to get this permaking using your Smartphone. QR Code for Grupos pedem que EUA investigue compra do WhatsApp pelo Facebook

Deixe o seu comentário