Net Barretos - Conectando emoções!

Justiça Federal nega Certidão Negativa de Débitos para Santa Casa

Projetos foram aprovados na Câmara, mas dependem da CND

Justiça Federal nega Certidão Negativa de Débitos  para Santa Casa

A Justiça Federal negou pedido feito pelo município em nome da Santa Casa de Barretos para tentar obter a CND (Certidão  Negativa de Débitos). A ausência do documento impede o hospital de receber recursos. A tentativa foi feita por meio de medida cautelar inominada e teve liminar indeferida em 14 de agosto. Segundo o advogado do município, Fernando Tadeu de Ávila Lima, a intenção era que a certidão fosse expedida antes da votação de projetos na Câmara e agora provavelmente o município desistirá da ação. O procurador Rodrigo Franco Malaman confirmou que está estudando outras formas legais para conseguir o documento.

CÂMARA: A Câmara barretense aprovou por unanimidade o Projeto de Lei do Executivo Municipal que prevê subvenções sociais à Santa Casa no valor de  até R$ 6 milhões por ano civil com parcelas de até R$ 500 mil mensais. A matéria argumenta que o aporte é necessário para custeio da entidade e aquisição de materiais de consumo (medicamentos, insumos hospitalares, higiene, gêneros alimentícios, materiais de escritório, informática) além de pagamento de salários e reorganização gerencial e da capacidade operacional dos serviços do SUS prestados pela instituição de saúde. O  termo vigorará pelo prazo de 12 meses, a contar da data da assinatura, podendo  de comum acordo entre as partes, ser prorrogado mediante termo aditivo, por igual período até o limite máximo de 60 meses. No projeto de Lei, o Poder Executivo esclarece que até R$ 2,5 milhões o orçamento vigente será onerado e até R$ 3,5 milhões onerarão o orçamento do exercício de 2014. Para atender as despesas com a execução fica o Poder Executivo autorizado a suplementar mediante Decreto o valor de R$ 2,5 milhões. Para ser aprovado em regime de urgência, os vereadores incluíram emenda de que os valores só serão repassados a partir do momento em que a Santa Casa tiver a CND (Certidão Negativa de Débitos) regularizada. O relator da Comissão de Justiça, vereador Otavio Alves Garcia (DEM) disse que a emenda foi colocada para garantir transparência e legalidade do repasse. Também foi aprovado projeto de Lei que trata da contratualização com o hospital no valor de R$ 1,9 milhões mensais e que também depende de regularização da certidão para que os repasses sejam efetuados.

INTERVENTOR: O interventor da Santa Casa e secretário municipal de saúde, Alexander Staff, explicou  que a emenda pode inviabilizar todo o planejamento de saneamento dos  problemas enfrentados pelo hospital, uma vez que sem o repasse em  dinheiro, a Santa Casa fica sem autonomia para negociar dívidas. “Muito me entristece ver que os vereadores encontram entraves que antes não  eram considerados, o momento é de unir esforços entre sociedade, poder  executivo e legislativo para tentar salvar o hospital e não de criar  burocracias desnecessárias que só atrasam a resolução dos problemas que  afetam diretamente a vida das pessoas”, disse Staff.

Fonte : http://www.odiarioonline.com.br

Use QR-Code to get this permaking using your Smartphone. QR Code for Justiça Federal nega Certidão Negativa de Débitos para Santa Casa

Deixe o seu comentário